Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UMA MENININHA MUITO AMADA - NOVIDADES

Olá, como estão. Estava com saudades de escrever para vocês, continuar contando como nossa família é feliz e como nos amamos. Algumas coisas já aconteceram em casa, que não tive oportunidade de contar, como o dia que minha irmãzinha perdeu o cabacinho para o meu paizinho. Foi um dia lindo e muito especial, comemoramos muito aquele momento. Minha irmãzinha agora é também uma mulherzinha. Eu e meu paizinho continuamos a viver como marido e mulher, e isso foi se firmando cada vez mais. Hoje eu sou tratada como sua mulherzinha, a dona da casa. Meu irmãozinho, que é mais velho, também gosta de dar o cuzinho para o papai, mas não deixa de participar de nossos momentos de carinho, meu paizinho permite que ele como nossa irmãzinha. Claro que a mim ele não pode comer, somente meu paizinho pode ter esse privilégio, mas meu irmãozinho pode manifestar seu carinho de outra maneira, chupando minha bocetinha, por exemplo, enquanto papai come seu cuzinho.

Minha irmãzinha é o neném mais submisso da casa, uma gracinha, linda, meiga, sempre disposta a nos servir. Ela é um denguinho, a amamos muito, ela é nosso bichinho de estimação. Aliás, ela adora ficar deitada aos nossos pés quando estamos na sala vendo TV. Meu paizinho fica fazendo carinhos em sua cabeça, com ela enrolada em sua perna. Algumas vezes meu paizinho, em uma demonstração de carinho, por ela ser tão dácil, diz a ela “vem neném (esse é o apelido dela), vira essa bocetinha para o papai ficar acariciando enquanto eu e sua maninha vemos TV”, ela vem, beija ele na boca em agradecimento, me beija nos lábios com aquela boquinha molhada mais linda, se deita de forma a deixar sua bocetinha bem exposta e papai fica dedilhando ela enquanto vemos TV. Ela goza baixinho, gemendo, dando um grunhudinho baixinho, como um bichinho, é lindo de se ver. A amamos mais que tudo na vida.

Aliás, neném esta prenha (grávida) de papai. Ela esta linda com aquela sua barriguinha redonda e seus peitinhos cheios.

Um dia meu paizinho veio conversar comigo e dizer que viu neném passando mal, e que ela poderia estar grávida e como há muito tempo somente meu paizinho a estava comendo, pois meu maninho tem preferido muito mais dar o cuzinho, então papai tinha certeza que era dele. Perguntou-me se eu estava com ciúmes e eu disse que não claro, pois todos em casa amamos neném. Depois da confirmação da gravidez foi a maior festa em casa. Apesar de eu ser a mulherzinha de meu paizinho, não fiquei nem um pouco enciumada da gravidez de minha irmãzinha, afinal eu também a amava e sabia que ela tinha uma total adoração por mim, adorava fazer amor comigo, assim como adoro poder ficar brincando com a bocetinha dela.

Eu e papai estamos curtindo essa gravidez, como se nosso bichinho de estimação, aqueles que amamos com adoração, estivesse ficado prenho, e estivéssemos aguardando o nascimento de seu filhotinho com a maior alegria. Adoramos neném, ela é nosso docinho.

à noite quando estamos para dormir a chamo para nossa cama, minha e de papai, e peço a ela, “maninha, mama a minha bocetinha pra que eu durma gostoso vai”, ela vem, se aninha entre minhas pernas e fica mamando na minha bocetinha até eu gozar profundamente. Papi também brinca com ela antes de dormir, ele chega, faz carinhos em sua bocetinha e pede para ela mamar em meus seios enquanto ele a come. Neném chega, fica sugando meus seios e papai come sua bocetinha gordinha de mocinha grávida. É lindo.

Em breve teremos em casa outro tipo de leitinho, além do de papai, teremos também o de minha maninha. Espero que ela seja bastante leiteira para alimentar a todos nás que estamos esperando por esse momento.

Meu irmãozinho esta de mudança para o exterior, irá morar na Suíça, estudará lá. Ele ao mesmo tempo em que esta adorando a idéia de ir, esta muito triste em ter que nos deixar. Papai sempre o esta colocando no colo, lhe dando beijos na boca, dizendo o quanto o ama e o quanto vai sentir sua falta. Ele diz que não sabe se vai aguentar ficar sem o paizinho dele. Papai nesse momento o abraça, fica fazendo carinhos em seu cuzinho, dedilhando e beijando sua boquinha, trocam carinhos e palavras de amor. Sei que meu irmãozinho irá sentir muita falta da gente, afinal somos muito apegados, nunca nos separamos, essa será a primeira vez.

Hoje esse conto não teve muitas cenas de sexo, mas queria somente contar, para as muitas pessoas que escreveram perguntando, como é a nossa família e como estamos.

Em breve voltarei a escrever, e contarei mais de nosso dia a dia. Um beijo a todos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos passando pomado no cu da mamaetinha perder sua coroa no seu pau do negrãocontos enquanto dormia comi minha irma e suaxvideo Chiquinha e jcasa erótica no ônibus cheiofetiche mulher atola cueca no rabo do caraeroticos sinto uma tesao enorme por ti maecontos eróticos chupadascontos eroticos sou casada minha irma deixou meu sobrinho em casacontos amor gayconto erotico com camionistalesbica conto professora fisicacontos eroticos arrombando a gordacontos comi i cu da amiguinha da minha folhinhacontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos eroticos arrombando a gordasofrendo no boquete contos eroticoscontos comi um vizinho novinhose minha prima tem um filho o finho dela meu subrinho?rolas grandesno cu e gritoscontos eroticos lesbico casadas e travestiPutinha do papai negro contos eróticosconto erotico na chacara com a cunhadacontos eroticos meu marido ficou bebado eu dei para os amigos dele sem camisinha na frente delecontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos erótico com homens dando o cuzinhocontos de mulheres casadas em supermercadofiscal conto gaycasa do conto eroticodando banho na sobrinha e pondo nas coxinhas dela gratiscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos de tio comendomais de um 1metro de pau enfiando ate o talo na bucetacontos eroticos sodomizadogozando no colo do papai contoscontos eróticos policiais comem viadoconto erotico gay entre pai e filhoacordando tia bunduda para fudela de quatroconto erotico minha esposa 1noite na festaa minha cunhada casada e saia justa contos com fotosconto hot meu pai me bulinavapeito peludo conto gayfui pintar a casa da minha cunhada com ela e minha esposa e o marido dela cantos eroticoscontos de coroa com novinhoCONTOSPORNO.sapecaContos eróticos de gay comi o filho do meu patrãocomendo minha filha juntos com os amigos contos eroticoscontos de homens sergipe dando o cu pela primeira vezconto erótico eu e meus primos nu no lagoapostou a filha conto eroticoconto erotico eu meu cunhado r minha simmoreninha linda gostosa quatorze anos dandocontos eroticosconto tia safada no banhocotos heroticos gay me comeu no riocontos eroticos gay no cinemacontos oamigo do meu marido 2moleques me foderam conto gayconto comi uma eguacontos veridicos de mulher casadacontos eróticos chantagem com a balconistacontos eróticos lua de melquero ver buceta do pigele gradecontos eriticos minha esposa foi currada por meninosContos casal toplessconto erotico vendo minha filha e meu genro gozei sozinhaConto erotico sogra safada cunhada amamentano sobrinha peituda juntasmeu me comeu aos anossofri no pau de outro contocontos eroticos arrombando a gordaContos eroticos descobri q o chefe de minha mulher levava ela pra uma surubacontos gays ordenhando papaiconto: crente safada da ccb em swingcontos fui feita de puta de beira de pistaComo uma novinha magrinha virgem contocontos de mulheres ninfomaniaca por sexoconto erótico incesto feminino mãe confessa que lambeu filhacontos bem dotado arronba o cu.da sogracontos eroticos ninfetas virgens e velhoscontos eroticos molestando